Reportagem destaca trabalho do Exército de Salvação nos Estados Unidos

Reportagem exibida no Jornal Bom Dia Brasil, na quinta-feira, 16 de setembro, referente ao aumento do número de pobres nos Estados Unidos, mostra o trabalho que o Exército de Salvação tem feito em meio à crise financeira e consequente aumento da pobreza e desemprego.

Confira no link: http://www.youtube.com/watch?v=V2Pgu4qaUKM

Dia das Crianças Clinick e Exército de Salvação

A Clínica Clinick localizada na Vila Mariana – SP estará promovendo no domingo , 26 de setembro, das 10h às 17h a campanha Dia das Crianças mais feliz a fim de apoiar o programa de retirada de doações do Exército de Salvação.

Através de um sistema drive-thru a população pode levar roupas e brinquedos (novos ou usados em bom estado) até o local, na Rua Francisco Cruz, 513,  sem precisar sair do carro.  As doações serão encaminhadas ao trabalho do Exército de Salvação.

Para maiores informações ligue: 2924-6001 / 5572-0100

Novo Telefone – 4003-2299

O telefone do Programa de Retirada de Doações do Exército de Salvação mudou! A partir de agora para agendar doações o telefone do Serviço de Atendimento ao Doador é o 4003-2299 .

Os telefones antigos continuam funcionando por tempo indeterminado, mas não serão mais divulgados.

A medida visa modernizar e melhorar o atendimento ao doador.

Dúvidas no telefone 4003-2299 ou no e-mail contato (a) exercitodoacoes.org.br .

Por que Doar?

A maioria das pessoas não tem o hábito de doar roupas ou outros objetos. Muitas nem sequer pensam nessa possibilidade quando vêem suas casas sem espaço, ou o guarda-roupa precisando de renovação.

Outras, entretanto, fazem da doação um hábito. Sempre que podem fazem questão de separar diversos itens e encaminhá-los a diversas entidades que recebem doações, entre elas o Exército de Salvação.

Para aquelas que têm dúvidas, aí vão alguns bons motivos para doar roupas e outros objetos:

  1. Doar libera espaço útil. Uma boa limpa no guarda-roupa pode desocupar até 80% do espaço, que pode ser usado para outro fim. O mesmo vale para móveis e eletrodomésticos “parados” em nossas casas.
  2. Doar traz renovação. Substituir móveis, roupas e outros objetos traz um aspecto de renovação para a casa e, conseqüentemente, aumenta nosso bem-estar.
  3. Doar traz um sentimento de satisfação. As pessoas se sentem bem após realizarem uma doação. Um sentimento de satisfação e realização é sentido por aqueles que se dispõe a ajudar outros.
  4. Doar evita problemas. Muitas vezes vendemos objetos para conhecidos ou familiares, mas essa negociação, se não for bem feita, pode gerar problemas como falta de pagamento, desencontros, entre outros. A doação evita tudo isso.
  5. Doar é ecologicamente correto. Quando doamos um item evitamos que ele seja descartado em algum lugar que prejudique o meio-ambiente, como as ruas da cidade, córregos, rios, e matas. Além disso ajuda a difundir a idéia do reuso.
  6. Doar alimenta o mercado de “segunda mão”. O mercado de usados cresce a cada dia no Brasil, e beneficia pessoas que não tem condições de comprar produtos novos. Esse mercado é considerado ecológico, pois evita que novos produtos precisem ser fabricados, preservando matéria-prima.
  7. Doar beneficia outros. No caso do Exército de Salvação, toda doação é destinada a bazares beneficentes e o resultado das vendas é revertido para a obra social no Brasil. O doador tem a certeza de que sua doação vai beneficiar outros.

Então, aproveite a oportunidade e agende uma doação de objetos agora mesmo!

Parceria de decoração ecológica e beneficente

O site Meu Móvel de Madeira e o Exército de Salvação fecharam uma ótima parceria. A partir de agora, os consumidores de São Paulo e Rio de Janeiro que comprarem móveis pelo site, além de contribuírem com o meio ambiente – todos os produtos da loja são sustentáveis – serão estimulados a doar os móveis antigos para o programa de Bazares Beneficentes do Exército de Salvação.

As caixas da empresa terão um adesivo com os contatos do Exército de Salvação e, para participar da ação, basta ligar e agendar a retirada dos itens que serão doados.