Voluntários do Exército de Salvação prestam apoio na Baixada Santista

Na madrugada desta terça-feira (3) chuvas fortes atingiram as 9 cidades da Baixada Santista causando deslizamentos, alagamentos e até mortes. Pessoas ainda estão desaparecidas e Equipes de Emergência estão buscando diariamente vítimas no lamaçal.

O Exército de Salvação em Santos (Litoral), com o apoio das unidades do Bosque da Saúde (Zona Sul) e Guaianazes (Zona Leste de São Paulo), estão oferecendo apoio às equipes de resgate, assim como pessoas das comunidades atingidas. Esta semana estão sendo arrecadados LEITE, ACHOCOLATADO, FRALDAS e ITENS DE HIGIENE PESSOAL que serão distribuídos no Morro do Macaco Molhado.

Para fazer uma doação dirija-se ao ponto mais próximo;

Corpo do Bosque: Rua Juá, no 264 – Bosque da Saúde – São Paulo – SP – Cep: 04138-020

Corpo de Guaianazes: Rua Evaldo Calabrêz, no 1699 – Vila Princesa Isabel – São Paulo – SP Cep: 08410-070

Corpo de Santos: Rua Frei Vital, no 204 – Embaré – Santos – SP – Cep: 11025-090

Exército de Salvação conclui atendimento às vítimas das chuvas em Belo Horizonte

No mês de Fevereiro de 2020 o Exército de Salvação esteve trabalhando com voluntários para atender e apoiar pessoas que tiveram suas casas atingidas pelas fortes chuvas na região. Ao total, foram cerca de 130 famílias cadastradas para acompanhamento e distribuição de doações a fim de suprir as principais necessidades apresentadas.

Os Majores Paulo e Claudete, representantes da Instituição em Belo Horizonte, relataram os detalhes das ações. Eles afirmam que o contexto social e político influenciam na situação atual da população, que vai além do desastre natural. Ainda restam alguns materiais a serem entregues para as famílias, visto que a cidade ficou sem produtos suficientes para compra e distribuição pela alta demanda e necessidade. Contudo o trabalho ainda não acabou, as distribuições foram um primeiro passo para se aproximar das famílias, este é um processo a longo prazo de restituição.

O diferencial do Exército de Salvação é que outras ONGs podem também fornecer o material, mas nós temos pessoas, parte da equipe, que podem orar, aconselhar e encaminhar, e as pessoas recebem isso também com outros olhos no atendimento. Nós não somos apenas quem leva algo material, mas quem pode apresentar algo maior; o caminho da Salvação. Neste momento de pânico e falta de esperança só Deus pode resgatar através da oração.

Major Paulo Swartele – OD Corpo 1º de Maio – Belo Horizonte – MG

Famílias perderam tudo, mas o mais importante é que elas estão com vida, e este é o benefício maior. As coisas materiais foram perdidas, mas podem ser recobradas, nosso desejo é que elas não desistam. E que, com a ajuda de Deus, elas possam se restabelecer.

Major Claudete – OD Corpo 1º de Maio – Belo Horizonte – MG

Muitos voluntários e doadores apoiaram a causa tornando o atendimento possível. Em palavra de agradecimento foram citados;

  • Quartel Nacional (Sede do Exército de Salvação no Território do Brasil);
  • Voluntários do corpo de 1º de maio (Soldados e amigos);
  • Doadores da região e também de outros estados;
  • Carrefour;
  • Igreja Batista de Sabará;
  • Fiocruz;
  • Cruz Vermelha.

Se você fez parte desta ação de apoio às vítimas das chuvas, seja divulgando, doando algo material, ou intangível como seu tempo ou suas orações, gostaríamos de oferecer nossos sinceros agradecimentos.

Exército de Salvação atua em países africanos atingidos pelo ciclone IDAI

Com ventos de 200 km/h o ciclone Idai atingiu os países de Moçambique, Malaui e Zimbábue causando grande destruição. Só em Moçambique são registrados mais de 1,7 milhão de pessoas atingidas e quase 1.000 mortes. O Exército de Salvação, está trabalhando em cada um desses países dando assistência às vítimas do desastre.

  • Em Moçambique, o Exército de Salvação, trabalhando em parceria com a Cruz Vermelha e outras organizações, está fornecendo pacotes de alimentos, incluindo milho, arroz, óleo de cozinha e feijão, para 500 das famílias mais severamente afetadas. Isto garantirá que duas refeições nutritivas por dia sejam fornecidas por pelo menos 21 dias, protegendo contra a desnutrição e garantindo que as crianças possam frequentar a escola.
  • No Zimbábue, onde foi declarado estado de emergência, o Exército de Salvação está trabalhando com o governo e outras organizações para prestar assistência em áreas atingidas no sul e no leste. O objetivo inicial é fornecer abrigo, suprimentos de alimentos e outros itens essenciais, a pelo menos 167 vítimas.
  • No Malaui, as equipes do Exército de Salvação iniciaram o trabalhando avaliando as principais necessidades. Quase um milhão de pessoas foram afetadas de acordo com estimativas do governo, com 56 mortes e 577 feridos registrados. Acredita-se que mais de 82.700 pessoas estejam desabrigadas.


“Considerando as dificuldades enfrentadas, estamos gratos que nossas equipes estão presentes, respondendo efetivamente para trazer alívio àqueles que sofrem como resultado deste desastre.”

Major Chris Mulryne – Equipe de Serviço de Emergência – Base Internacional do Exército de Salvação. Londres – Inglaterra

Para contribuir acesse o link do site internacional:
https://secure20.salvationarmy.org/donation.jsp

Fontes:
https://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2019-03-19/ciclone-idai-mil-mortos.html
https://www.salvationarmy.org/ihq/news/inr200319

Exército de Salvação ajuda vítimas de tragédia em Lima

Nas últimas semanas chuvas torrenciais têm afetado grande parte do território peruano, causando estragos e deslizamentos em diversas áreas da capital Lima e seus arredores.

O Exército de Salvação Peru têm atuado fortemente em colaboração com a Defesa Civil e autoridades municipais na zona de emergência, disponibilizando ajuda através de seus membros e voluntários.

A ajuda inclui distribuição de itens de higiene, emergência e alimentos e ainda, apoio psicológico e espiritual às vítimas dos desastres.

A situação de calamidade ganha ares ainda mais preocupantes quando relevam o número de afetados até agora: mais de 7200 pessoas afetadas nos diversos distritos, 62 mortes, além da distruição de mais de 12 mil casas, segundo autoridades locais. As chuvas contínuas se devem a um fenômeno que, por suas consequências, se assemelha ao El Niño mas se localiza apenas ao longo das costas do Peru e Equador.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

Nenhum texto alternativo automático disponível.

 

 

Exército de Salvação entrega doações a vítimas de enchentes

Luciano Vieira | PMSS
Crédito: Luciano Vieira | PMSS

Na tarde do dia 12/04 o Exército de Salvação entregou à Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Humano de São Sebastião doações para serem encaminhadas às vítimas das enchentes que atingiram o litoral norte do estado de São Paulo no início do mês de abril.

Alimentos, material de higiene, roupas e calçados foram arrecadados na Capital do Estado numa parceria entre o Exército de Salvação e a Igreja Metodista da 3ª Região Eclesiástica.

O Exército de Salvação foi representado pelo Major Adão Gonçalves, que afirmou:  “poder participar nestas questões sociais é, além do nosso dever, uma ação muito gratificante, assim como quando realizamos nossas ações culturais, levando às cidades a apresentação de nossos grupos musicais, como a banda de metais e o coral, que têm representações nacionais e internacionais”.

As doações foram recebidas pelo prefeito Ernane Primazzi e pela assessora do Fundo Social, Vera Alonso.

 

Fonte:  http://www.saosebastiao.sp.gov.br/finaltemp/news.asp?id=N1242013174714