Exército de Salvação na Europa fornece assistência aos refugiados.

Segundo a OIM (Organização Internacional de Migração), mais de 360.000 refugiados e migrantes cruzaram o Mar Mediterrâneo nos primeiros oito meses de 2015, 140mil a mais que todo ano de 2014. Os registros mostram que mais de 2.700 refugiados morreram tentando chegar na Europa.

O Exército de Salvação na Europa tem assumido uma responsabilidade ética e humanitária para prestar apoio aos indivíduos e as famílias que fogem de seus países de origem. Algumas atividades e programas para refugiados já estão sendo estabelecidos, mas nos últimos meses o Exército de Salvação intensificou o seu apoio e também deu início a novas atividades em vários países europeus.

O trabalho de assistência aos refugiados realizado pelo Exército de Salvação acontece em cidades da Grécia, Itália, França, Holanda, Suécia, Dinamarca, Suíça, Hungria, Romênia, Reino Unido, Rússia, Finlândia e Alemanha.

São fornecidos diversos tipos de ajuda como a doação de roupas, sapatos, artigos de higiene, sacos de dormir, cobertores, água e alimentos. Em alguns locais como na Suíça está sendo fornecido ajuda com alojamento, saúde, creche, assistência com acesso a cursos de idioma e apoio na procura de oportunidades de emprego.

O Exército de Salvação tem feito um trabalho extenso em prol dos refugiados na Europa, e continuará a cumprir sua missão de “atender às necessidades humanas em nome de Jesus, sem discriminação”, oferecendo suporte para as pessoas em estações ferroviárias, centros de refugiados e nas suas centenas de igrejas em toda o continente.

Fontes: http://www.salvationarmy.org/ihq/news/inr040915

https://www.facebook.com/The-Salvation-Army-in-Athens-Greece-1443541422526748/timeline/

Adaptação: Thais Sales.

Pessoas levam doações de roupas.
img07
Refugiados dormem em barracas na Grécia.
img02
Refugiados em uma praça na Grécia.
img03
Pessoas fazendo lanches para distribuir aos refugiados.
ScreenShot003
Oficial do Exército de Salvação trabalhando na distribuição de suprimentos.
ScreenShot005
Alojamento
ScreenShot004
Oficial do Exército de Salvação trabalhando na distribuição de suprimentos.
img01
Exército de Salvação distribuindo alimentos aos refugiados.
img12
Alimentos para serem distribuídos.

Exército de Salvação em Ruanda ajuda refugiados do Congo

O Exército de Salvação em Ruanda está respondendo ao crescente número de refugiados que cruzam a fronteira fugindo do conflito na República Democrática do Congo. Um centro transitório em Nkamira, que foi construído inicialmente para 2.000 pessoas e depois ampliado para abrigar 5.000 pessoas, agora abriga mais de 9.000.

O Major Robert Tuftström com moradores do acampamento transitório Nkamira.
O Major Robert Tuftström com moradores do acampamento transitório Nkamira.

Por essa causa um novo acampamento foi preparado em Mugombwa, e muitas pessoas estão se mudando para lá.

A maioria dos refugiados fugiram carregando apenas itens essenciais. Muitos têm problemas respiratórios e quase 90 por cento dos residentes no centro transitório são mulheres ou crianças.

Tendo mostrado experiência na distribuição de itens não perecíveis, o Exército de Salvação foi contatado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (ACNUR) com o pedido de apoiar os refugiados recém chegados a Mugombwa com colchões e kikoyis (um tecido usado como roupa e como lençol). O Exército de Salvação também está fazendo parte do comitê governamental criado pelo Ministério de Gerenciamento de Disastres e Refugiados do governo ruandês (MIDMAR) que está respondendo à crise.

Fundos iniciais foram levantados – incluindo US$ 28.000 do Quartel Internacional da instituição em Londres – e o Exército de Salvação espera ser capaz de fornecer colchões e kikoyos para o primeiro grupo de 1.500 refugiados que chegarão no acampamento nos próximos dias.

Reportagem do Serviço Internacional de Emergência
Quartel Internacional do Exército de Salvação
Tradução Livre (Tiago Mendes)
Fonte: http://www.salvationarmy.org/ihq/news/inr251013b